terça-feira, 22 de dezembro de 2009

Não só não me importo como acho uma honra ser, como se diz, pirateado. Não só pelo facto de eu próprio ser pirata. É porque o mundo mudou.



Miguel Esteves Cardoso

1 comentário:

Paulo disse...

Por vezes o mundo obriganos a ser um "pirata"...

Se isso é bom ou mau, não sei, mas acho que depende dos "mares" que cada um "navega"...

BJS GRANDES