domingo, 18 de outubro de 2009

Flash Forward




Um misterioso evento global faz todos os habitantes da terra simultaneamente experimentarem, por exatamente dois minutos e dezessete segundos, sua vidas seis meses no futuro. Quando tudo está acabado, muitas pessoas morreram em acidentes envolvendo veículos, aviões, e quaisquer outros meios controlados por humanos. Todos os que sobreviveram se perguntam se o que viram é o que realmente vai acontecer.

Um agente da FBI chamado Mark Benford tenta descobrir o quê aconteceu, e por quê. Ao lado de sua equipe, ele cria um banco de dados com os flash forwards de pessoas de todas as partes do mundo. Além de várias visões catastróficas, as pessoas viram a si mesmas se entregando a vícios antigos, em novos relacionamentos - e alguns não viram nada.


Gostava de parar estes dois minutos e dezassete segundos só para saber um bocadinho do filme da minha vida daqui a seis meses....

Já vi três episódios e a série é viciante.

Alguns viram coisas importantes na vida deles e de outros, outros não viram nada, será que estão mortos daqui a seis meses? Será que num caso destes poderíamos alterar o nosso futuro??? Estou viciada! E ainda por cima também existem uns médicos e vocês sabem que eu não resisto a séries com hospitais, é mais forte do que eu!


Esta é uma série sugerida por um amigo! Obrigado!


4 comentários:

Paulo disse...

Isso dava que pensar...

Poder "cuscuvilhar" o futuro deveria ser uma estranha sensação... Eu acho que tinha de ponderar bem, mas não dizia que desta água não beberia...

Uma série a (re)ver...

BJS GRANDES e BOM DOMINGO

Tita disse...

Absolutamente fantástica e tb quantas vezes já não pensei o quanto seria bom ver a minha vida daqui a 6 meses...

Bjs

Just me disse...

Paulo:

Cuscuvilhar poderia ser muito bom ou muito mau!!! Pensando bem só queria ver se fosse alguma coisa boa!

Tita:

Gostava de nos ver no flash forward da nossa vida, com um sorriso nos lábios, chega de lágrimas!!!

Beijocas!!!

Paulo disse...

Mas isso só sabemos depois de ver...

Depois de saber como ia ser, valeria a pena mudar algo?? Iríamos a tempo??

Muitas questões se poderiam colocar, mas as respostas não estariam nas nossas mãos...

Será que estou a dizer alguma coisa de jeito??

BJS GRANDES